#McMv ou MinhacasaMinhavida: A decoração que nos antecedeu…

Assim, sem muita suntuosidade na inauguração, sob a tag #MinhacasaMinhavida vou apresentando alguns flashes daqui de casa. O nome da série é tão óbvio porque minha casa É MESMO minha vida, minha conquista, meu ninho, cafofo, lar, o canto onde o reino corta no meu dobrado. Quem já conquistou uma casa, por mais humilde que seja, com seu nome próprio sabe do que eu tô falando.casafrenteE este pequeno reino habita uma casa antiga, beeeem antiga (#casavelhapoucagrana, sabe como?), uma casa anterior à rua que passa em frente, para você fazer uma ideia. Nós desconfiamos que seja resquício de uma fazenda, cujo casarão central fica do outro lado do rio. Imaginamos que seria uma casa de agregados ou algo do tipo, como é comum em fazendas mineiras. Se é verdade ou não, não sabemos, mas nos divertimos imaginando…casafachadaOs vizinhos contam que aqui já foi uma escola infantil, que a rua já passou atrás da casa, que já foi moradia do jardineiro Jésus e por fim, quem nos vendeu foram Rosário e Rita, cujo bom gosto na decoração eu tive tempo de registrar.

doors
A porta da percepção tinha uma dupla de tuias para nos receber…

doors3

doors2.JPG
Dracenas em vasos (que nós herdamos!) e ripsalis nas jardineiras (que não vingaram, chuif, chuif)

Me lembro de na primeira noite que dormimos nessa casa, um dia antes da mudança chegar – eu e Fabricio, a casa vazia, um colchão no chão, a canga na janela e só, vendo a lua cheia se apresentar majestosa em frente ao nosso quarto – eu pensando: “Nossa, mas a decoração delas era tão legal, será que eu vou chegar perto?” #confiançadearquiteta ZERO, rs… Mas achei tudo tão bonito, de tão bom gosto, que parecia que ficaria na memória para sempre como muito melhor do que qualquer coisa que tentasse fazer.

interna1
Sala de entrada com peça de Domingos Tótora
interna2
Sala de Entrada com mandala de Domingos Tótora e no fundo a cozinha, da qual não tenho foto, mas tinha um quadro lindo com folhas outonais.
interna4.JPG
Dormitório principal
interna3
Sala de música e dormitório de hóspedes

As meninas caprichavam no artesanato brasileiro, com quadros bacanas, luminárias rústicas, peças do maravilhoso artista mariense Domingos Tótora, além de cores personalíssimas para cada ambiente, as quais só fui mexer a pouco tempo atrás.

patio2
Pátio que dá acesso à edícula nos fundos

As fachadas e paredes externas em geral são (ou eram…) pintadas de vermelho, para desespero das tias vizinhas… Uma senhorinha certa vez veio me perguntar quando eu pretendia trocar aquela cor assim… escandalosa? Eu na corrida, saindo pra trabalhar meio em cima do laço, só sorri né? Depois ainda meio absorta da pergunta, emendei com um: não sei, mas deve demorar bastante. Como quem diz, tia, não tenho um puto pila, tô atrasada, beijomeliga.patio1

patio3
Roupas no varal, cheiro de amaciante no ar, dia de sol: pequenos prazeres da dona de casa!

Bom, aí está o antes, e aos poucos vou publicando o depois e os atuais. Vejamos se fiz trabalho razoável nos capítulos seguintes de #MinhacasaMinhavida! Não percam as próximas cenas neste blog querido do seu coração, rs.

 

Anúncios

2 comentários sobre “#McMv ou MinhacasaMinhavida: A decoração que nos antecedeu…

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s